• Fisioterapia

    Fisioterapia

    A fisioterapia visa restaurar, desenvolver ou conservar a capacidade física do paciente.

    Para alcançar seus objetivos, o fisioterapeuta pode utilizar diversos recursos físicos ou mecânicos, como a eletrotermofototerapia, cinesioterapia, mecanoterapia.

    A eletrotermofototerapia consiste na utilização de agentes eletrofísicos no tratamento de uma ampla variedade de distúrbios. Incluem-se uma variedade de equipamentos, com determinados objetivos terapêuticos.

    A cinesioterapia abrange o tratamento dos sistemas neuromusculoesquelético e circulatório através de exercícios ou movimento, objetivando a prevenção e tratamento das disfunções osteomioarticulares e circulatórias; a restauração, manutenção ou conservação da força muscular e a melhora da flexibilidade ou mobilidade articular.

    A mecanoterapia é a terapia realizada por meio de agentes mecânicos, auxiliando o paciente a executar os movimentos destinados a conseguir uma integração às atividades de vida diária.

    Cabe ao fisioterapeuta a escolha do equipamento e exercícios adequados na reabilitação do indivíduo, de acordo com as bases físicas de cada modalidade e os seus efeitos no tecido biológico, após uma avaliação minuciosa do paciente, em que são colhidos os dados pessoais, queixa principal, dados que remetem ao mecanismo de lesão, estágio em que se encontra a lesão, realizar testes gerais de mobilidade e postura, testes específicos da região acometida e traçar um plano de tratamento/condicionamento.

    Além destes recursos, as orientações quanto à proteção articular e conservação de energia devem ser realizadas, para evitar sobrecargas e conseqüentes aumentos das lesões.