• Espasmo Muscular

    O espasmo muscular é, normalmente, bastante desconfortável, consistindo na contração súbita e involuntária de determinado músculo e que vem ou não acompanhada de dor ou mesmo restrição de movimentos.
    Os músculos apresentam função natural de contração e relaxamento, sob estímulos específicos. Acontece que, no processo de contrair e relaxar, o músculo poderá não retornar ao seu tamanho normal, o que gera tensões musculares permanentes e a consequente redução da elasticidade muscular. Caso as contrações musculares aumentam, a elasticidade diminuirá ainda mais, resultando nos mais distintos sintomas que podem incluir desde a redução indolor de certos movimentos até a dor crônica incapacitante.
    O espasmo muscular pode ser de diferentes tipos: a cãibra é a mais conhecida, assim como as mioquimias palpebrais (contrações na região das pálpebras), decorrentes de situações de estresse.
    Há tratamento para os espasmos?
    Para evitar a ocorrência de espasmo muscular é importante fugir do sedentarismo com a prática regular de atividades físicas sob a orientação de um profissional habilitado, mas vale ressaltar que o excesso de exercícios também pode contribuir para o surgimento do espasmo. Além disso, técnicas de relaxamento podem ainda ajudar na prevenção.
    É importante procurar por um especialista quando o espasmo muscular permanece.

Deixe seu comentário

Cancelar